segunda-feira, 8 de junho de 2009

Novo Chevrolet Classic já é comercializado no Chile desde 2007




O novo Chevrolet Classic que será lançado no Brasil em 2010, já é comercializado no Chile desde 2007. Diferentemente do que imaginei este flagra acima é de um modelo chileno que teve suas placas alteradas para ficarem iguais as usadas na Argentina. As imagens foram enviadas como se fossem verdadeiras para o leitor/colaborador Giovane Vedoy da Silva, do blog Revista-Motores, ele recebeu de um autor quiz se indentificar, exatamente por terem sido alteradas para parecerem o que não é.

O Classic reestilizado é um dos "quatro lançamentos importantes" que o presidente da divisão Mercosul da General Motors Jaime Ardila, anunciou em coletiva na semana passada, os outros três serão variações da família Viva, cujo hatch chega em outubro. O novo Classic fará sua estreia em 2010, o modelo comercializado no mercosul é produzido nas fábricas de São José dos Campos (SP) e na planta argentina de Rosário.

Será a primeira grande mudança do modelo em seus quatorze anos de mercado. O modelo ganhará novo conjunto ótico mais fino no lugar dos faróis arrendodados. O para-choque também será trocado, juntamente com a grade dianteira. Já na traseira as mudanças são as lanternas que não ficaram mais na vertical, dando lugar a lanternas horizontais que invadem a nova tampa do porta-malas. O para-choque traseiro também será remodelado. As laterais perderam o acabamento de plástico nos para-lamas, o contorno agora é na própria lataria. O interior do modelo não terá mudanças significativas.

O Chevrolet Classic é comercializado no Brasil somente com a motorização 1.0 flex e tem preço sugerido de R$ 25.379.


ERRATA: O texto foi alterado em função da descoberta do leitor Rodrigo Carmona fez um comentário neste post, no qual ele achou a foto original. Na realidade a placa argentina que aparece neste modelo foi colocada no PhotoShop, este modelo foi fotografado no Chile onde ele já é comercializado desde de 2007.

Gracias Rodrigo Carmona colaboración y corrección de la entrada.

18 comentários:

  1. Eita... não gosto mesmo dessa "gambiarra"...

    Triste saber como nosso mercado e tratado por algumas empresas. Um Frankstein de tão esquisito e desarmonico. E esse ainda tem pisca lateral, coisa que aqui ainda deve ser retirada... Brincadeira!

    Parabens pelo adiantamento Marlos!

    ResponderExcluir
  2. Hola Marlos parabens por el blog.

    Ese Corsa es un Corsa Plus feito na China e importado desde Chile para GM de Argentina.

    El Corsa Plus chino se vendió en Chile desde el 2007, junto al Corsa Classic argentino.

    Tiene el mismo motor 1.6 8v de 92cv, pero su equipamiento de serie era mucho mejor: ar-condicionado, doble airbag frontal, frenos abs con ebd, faros neblineros, radio cd mp3, etc, todo por $5.190.000 chilenos (R$ 18.000)

    ResponderExcluir
  3. Eduardo T. Küll8 de junho de 2009 14:02

    E eu que acreditei que um "lançamento importante" fosse realmente um LANÇAMENTO e não outra re-re-reestilização de um carro que já conta com uns 16 anos de mercado.

    ResponderExcluir
  4. A Frente ate q não fico feia, la a trazeira fico ridicula!

    Marlos, sobre o novo Uno vc ja tem alguma informação do futuro da Fiorino??

    Abraço

    ResponderExcluir
  5. A GM merece ficar atás da até Pejô.
    Fala sério.

    Depois falam mal da Fiat.

    ResponderExcluir
  6. Que bizarrice é essa?

    A frente ficou muito boa até a chegada das rodas, mas as laterais sem mudanças e a traseira com aquela lanterna completamente sem nexo e interior extremamente pobre, como disse o André RIDÍCULO, o pior é que vende e vai vender bastante.
    Eita carro sem graça, não entendo que o compra.

    ResponderExcluir
  7. Pergunta que não cala:

    - E a estratégia da GM de fazer o Prisma cada dia tomar o lugar do Classic? A novva motorização 1.0 não apontava para isso?

    Vai entender...

    ResponderExcluir
  8. Boa noite a todos.
    André, ainda não tenho nenhuma novidade sobre a nova Fiorino.

    Abraços,

    Marlos Ney Vidal

    ResponderExcluir
  9. Pobre consumidor brasileiro: continuará pagando preços de primeiro mundo por carros do outro mundo como esse Corsa, ou o "novo" Fiesta, ou o Peugeot 206,5, ou, ou...

    ResponderExcluir
  10. Gostei da Frente dele , mas a traseira lembra aquele Hyundai Elantra não sei se vcs lembram...mas da pro gasto nota 7,9

    ResponderExcluir
  11. a frente ficou agradavel, se mudassem o desenho da lanterna traseira (só a posição das lampadas) iria ficar bom, dentro do possivel, é claro!

    ResponderExcluir
  12. Marlos,
    o Classic não é produzido em São José dos Campos (era no inicio de sua produção, 1995). O atual modelo é fabricado na planta de São Caetano do Sul... Especula-se que este "novo modelo" seja produzido em SJC, já que SCS deve produzir a "pickup Viva"...

    ResponderExcluir
  13. ESTIMADO MARLOS!!!

    LAS FOTOS SON FALSAS!!!! Son fotos tomadas en Chile y se han falsificado las placas argentinas.

    Te recomiendo sacar estas fotografias porque no son reales.

    Acá está una de las verdaderas:

    http://img198.imageshack.us/img198/6550/chevroletcorsaplus16200.jpg

    Les sacaron la patente chilena y el sello verde (indicador de convertidor catalitico) y el sello amarillo (indicador de equipamiento de seguridad opcional).

    ResponderExcluir
  14. Gracias Rodrigo,
    De dónde sacaste las fotos originales, porque la búsqueda en Internet para ver si no eran falsas y que no se encuentra. El trabajo en Photoshop es muy bien hecho. Tiene la fe de erratas.

    hasta,

    Marlos

    ResponderExcluir
  15. Daniel Ramos de Oliveira12 de junho de 2009 18:34

    Será que é tão importante assim lançar um Novo Classic?Eu acredito que a Chevrolet poderia retirar o Classic e deixar o Prisma 1.0 no lugar,e se dedicar no Vectra(tanto no Sedan como no Hatch),que é um carro que merecia mais atenção da Chevrolet Brasileira.

    ResponderExcluir
  16. No entiendo por qué Chevrolet lanzaría esta falsa novedad cuando ya existe el Prisma, que se parece mucho más a los Chevrolet recientes que este Corsa B.

    ResponderExcluir
  17. ruan alvaréz
    Yo soy argentino pero no allava qui o cuersa sedãn fueste realmente uno lancamiento en brazil, pero allava qui eras un producto da linha.

    qui pennã brazil

    ResponderExcluir
  18. Não entendo porque brasileiro gosta tanto de meter o pau nos modelos mais baratos e mais acessíveis a população. Ficam fazendo comparações com modelos médios e maiores e ridicularizando o simples e mais barato. Quem tem algo em torno de R$ 23 ou R$ 24 mil e pretende comprar um carro zero, o Classic é uma ótima opção (pechinchando nas concessionárias, é claro), pois comparando-o com os carros da mesma faixa de preço (uno, celta 2p, pálio, gol básico, ford ka), ainda continua sendo a melhor opção: mais potência no motor 78cv, único sedan com ótimo porta-malas e melhor acabamento interno. Então parem de meter o pau na continuidade do modelo e lembrem que existem outros modelos mais antigos que continuam sendo produzidos por serem sucesso de vendas e úteis à população, tais como o Fiat Uno e a Kombi, sem falar no Fusca que durou uma eternidade e todos o achavam simpático, por mais ridículo que fosse.

    ResponderExcluir